terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Cota para Cabeludos...

Outro dia também de passagem pela biblioteca (não vão pensar que eu gosto de estudar é que meu tempo é bem livre, acho que nasci de férias, então fico passeando por ai atrás de coisas para falar mal) vi que em quase todo outdoor com fotos de jovens têm um negro, nas repartições públicas, nos filmes e nas novelas também, os homossexuais vem conquistando seu espaço da mesma forma, apesar de não ter no RG a opção “homossexual” é hipocrisia dizer que não sabe se aquela pessoa é ou não, ou seja, você sabe quando uma pessoa é, pois, a voz do povo é a voz de Deus*, e se na repartição onde você trabalha tiver um homossexual escolhido pela voz de Deus, eu faço uma aposta como você já comentou com um colega sobre ele, nada contra nenhum dos casos, acho é legal que a sociedade venha quebrando alguns preconceitos e abrindo mais espaço, tentando ou fingindo pelo menos tratar todo mundo igual.
O motivo para citar tais casos é apenas para pedir uma cota também para os cabeludos, como estava dizendo andando em frente a biblioteca em companhia de amigo começamos a discutir a respeito disso, o detalhe é que nós dois somos cabeludos e estamos desempregados.
Quero uma cota para cabeludo, tenho vários amigos cabeludos e poucos trabalham, a maioria tem uma banda de rock e paga para tocar (dinheiro dos pais), além da questão do emprego tem a questão do preconceito pelas ruas, nunca vi alguém falando: "Careca maconheiro", é sempre: "Cabeludo maconheiro", drogado, marginal etc, aquelas tiazinhas que querem ser mais delicadas falam: “Você ficaria bonito de cabelo curto”, acaba sendo pior, além de confirmar que não gosta de cabeludo ainda te chama de feio.
Mas apesar disso eu nunca vi ninguém fumando ou usando drogas com o cabelo e também nem sei se isso é um quesito para ter certeza que a pessoa não presta, se a gente for pegar alguns exemplos históricos vamos ver que o Hitler tinha raiva de cabeludo, não era cabeludo e era um babaca, já Jesus Cristo era cabeludo, bebeu vinho e repartiu o pão e é exemplo para todos, aliás, uma vez usei esse argumento quando minha mãe veio falar do meu cabelo, ela muito religiosa como é, respondeu: Mas naquele tempo não tinha tesoura e o cabelo dele era bonito e além do mais ele não bebia como você.




* Quem mandou crucificar Jesus foi a voz do povo, logo, foi Deus.

6 comentários:

Luna disse...

Se Jesus era cabeludo e a voz do povo, ou seja, Deus,foi o responsável pela crucificação de Jesus, isso nos leva a crer em algumas hipóteses:
Primeira: ou os cabeludos de hj em dia passam pelo q passam, como Jesus passou naquela época, e serão um dia classificados como Messias
Segunda: ou os cabeludos de hj podem se preparar pra crucificação propriamente dita, já que são crucificados dia após dia pelas palavras alheias
Terceira e última: ou os cabeludos de hj vão continuar na mesma...
Sem poder exigir cotas específicas e tendo que aguentar o preconceito!

Luiz Felipe disse...

Isso é uma situação que já aconteceu comigo. Eu tinha cabelo grande ai quando sai para procurar emprego à primeira coisa que me falaram foi para eu cortar o meu cabelo. Dês desse dia vi que infelizmente é foda existe muita discriminação só pelo simples fato de você ter um cabelo grande. Quem sabe um dia essa hipocrisia diminua e possamos assim usar os nossos cabelos grandes estando empregados, pois competência e profissionalismo para trabalhar não esta relacionada com o tamanho do cabelo.

Flávio disse...

muito bom o texto! quem eh o autor?

Mayara Montenegro disse...

Mas apesar disso eu nunca vi ninguém fumando ou usando drogas com o cabelo



HAAHAHAHA

Marc disse...

Ter cabelo longo é uma dádiva e é mandamento divino, além de ser uma força da própria natureza - a mentira e a inveja é que querem cortar essa ideia. Continuemos cabeludos, é nossa honra, força e glória!

Eric Draven disse...

É mto complicado msmo ...
Eu to desempregado quase 2 anos!(Sou caseiro,tranquilo,qndo fiz estagios sempre fui elogiado)Mas dpois fiz trocentas entrevistas e nada!Pensei em cortar o cabelo,pra arranjar o trabalho!mas nao fiz isso e nem quero fazer!!
Porq ser cabeludo é uma coisa q eu sempre quis ser e nao quero cortar pra agradar outras pessoas...
Porq antes d tudo...pra mim gostar d outras pessoas,eu tenho q gostar d mim msmo!!E infelizmente,tô passando por essa situação complicada!!E to com objetivo d fazer uns bicos msmo,conseguir dinheiro pra cursinho,estudar e passar,é o jeito!!